AONDE ANDA MATILDA ? É AQUELA FUNCIONÁRIA DO GABINETE DE EDUARDO BRAIDE QUE GANHAVA 2 MIL REAIS E MOVIMENTOU 25 MILHÕES



Matilde Sodré Coqueiro funcionária do Gabinete do sepultado estadual Eduardo Braide/ candidato a Prefeitura de São Luís aparece nas transações em espécie/ dinheiro vivo das empresas Vieira Bezerra Ltda/ Escutec Pesquisa de Opinião Pública Ltda/ A4 Entretenimento Ltda - que desviaram 25 milhões da Merenda Escolar de 18 Município do Maranhão.

A estratégia era a seguinte :  a Escutec de Fernando Junior fabricava pesquisas/ alavancando os candidatos/ a A4 Entretenimento promovia festas/ comícios/ publicidade/ propaganda dos candidatos/ a Vieira Bezerra de Fernando Bezerra agenciava os agiotas e os pagava com o dinheiro superfaturado da compra/venda da Merenda Escolar para os prefeitos eleitos na proveta da Escutec.

Matilda Sodré Coqueiro funcionária do Gabinete do sepultado Eduardo Mendes/ isso mesmo sepultado - Braide era a esse tempo Secretário do Orçamento Participativo da gestão de João Castelo - recebia 2 mil reais/ mas participou da movimentação como pessoa física de 25 milhões. O Conselho Operações Financeiras desconfiou/ investigou todos/ inclusive Braide.

Matilda Sodré Coqueiro não caiu de "paraquedas" no gabinete do sepultado Eduardo Braide. Foi por designação do próprio Eduardo Braide que Matilda Sodré Coqueiro chegou na Assembleia Legislativa do Maranhão. Portanto/ Eduardo Braide sabia das operações financeiras de Matilda/ haja vista que a data da nomeação é de junho de 2011/ constando nos apontamentos em 2013/ quando Braide deixou o Orçamento Participativo de Castelo.

O Blog do Cesar Bello está investigando se as empresas citadas nos desvios venderam para a gestão de João Castelo/ por orientação de Eduardo Braide então Secretário do Orçamento Participativo de Castelo. Constatado/ provado vendas/ compras vinculando Eduardo Braide as citadas empresas não vai restar a menor sombra de dúvida da sua participação direta.   

Deus livrai a Prefeitura de São Luís deste bando/ desta gang. Leiam atentamente o requerimento da Procuradoria Regional da República/ nele consta que a nomeação de Matilde Sodré Coqueiro feita por designação do deputado estadual Eduardo Braide. Eduardo saiu da Assembleia Legislativa para ser Secretário do Orçamento Participativo/ quando volta o esquema e Matilde continuam.

Despacho do MPF pedindo a instauração de investigação contra Eduardo Braide
  

3 comentários:

 
Tecnologia do Blogger.