SEGURANÇA PÚBLICA OBEDECE ESTRATÉGIAS E NÃO A PRESSÕES MIDIÁTICAS/ POLÍTICAS

Está correta a estratégia do governo de dar proteção a saída de 100 famílias de uma área- na periferia do bairro do Coroadinho, na Capital - demarcada por conflitos entre traficantes.

Pelo número de famílias- 100 - multiplica-se por 10 o número de vidas protegidas, mesmo que em qualquer lugar do mundo para onde se deslocarem terão a violência como vizinha.

O  governo não pode ceder um milímetro as pressões midiáticas/ políticas que contabiliza/vibram a cada homicídio/ furto/ estupros e com o vertiginoso aumento do tráfico de drogas.

4 comentários:

Anônimo disse...

EU IMAGINAVA QUE ERA A BANDIDAGEM IRIA SAIR MAIS PELA INEFICÁCIA DO ESTADO E DA SEGURANÇA PUBLICA TIRARAM AS FAMÍLIA EI GOVERNO SEM CONTROLE.

Anônimo disse...

César ALUÍSIO MENDES E PORTELA É TUDO IGUAL O QUE MUDA É QUE ALUÍSIO É DE BRASÍLIA E O PORTELA É DO MARANHÃO. NÃO VAI FAZER PORRA NENHUMA PELA SEGURANÇA. DO MARANHÃO!!!

BLOG DO CESAR BELLO disse...

Não se pode expor/por em risco vidas temerosas de conceitos de uma mídia estadual/nacional comprometida com a volta dos Sarney.

Anônimo disse...

A FAMILIA SARNEY TA MUITO BEM PROTEGIDA POR MUROS DE MANCÕES E SEGURANÇAS PRIVADA E PUBLICA GOZANDO DO DIREITO QUE LHE FOI DADO O PROBLEMA E OS MENOS FAVORECIDO QUE ATE A SEGURANÇA QUE ERA PARA AMPARA NUNCA ESTEVE PRESENTE TA NA HORA DE DEIXAR DISCURSOS E AGIR DE FORMA RESPONSÁVEL.

Postar um comentário

 
Tecnologia do Blogger.