EXPLOSÃO DA VIOLÊNCIA NO MARANHÃO : GRILAGEM/PISTOLAGEM/AUSÊNCIA DA FORÇA PÚBLICA NOS MUNICÍPIOS

A explosão da criminalidade no Maranhão- principalmente no interior do Estado- tem como marco inicial a grilagem estimulada pelo governo de José Sarney(1966/1970).

Os grileiros amigos de Sarney trouxeram os pistoleiros da Região do Bico do Papagaio- Pará - que juntaram-se aos jagunços de Vitorino Freire oriundos do Agreste de Pernambuco.

Sarney a pretexto de estimular o desenvolvimento doava ilegalmente milhares de hectares para os empresários do sul/sudeste e recebia  apoio financeiro do banqueiro Olavo Setúbal.

Essa "Força Nacional"- grileiros do Sul/Sudeste; pistoleiros do Bico do Papagaio(Pará); jagunços do ageste pernambucano juntou-se aos guarda costas dos prefeitos/deputados maranhenses.

Essa gente fez mais sucesso do que Zeca Diabo. Alguns se elegeram a cargos eletivos, montaram empresas, ganharam muitos milhões. A novela "O Bem Amado" é uma cópia da nossa realidade.

Volto com outros capítulos, mostrando que capangas/justiceiros/pistoleiros/grileiros sempre estiveram muito próximo da família Sarney. Eles atuaram como o braço armado dos governos Sarney.

3 comentários:

 
Tecnologia do Blogger.