A CANÇÃO DO TAMOIO : WALDIR MARANHÃO REVOGA ATO QUE ANULOU O IMPEACHEMENT/ MAS A REVOGAÇÃO NÃO PREJUDICA O PEDIDO DA AGU JUNTO AO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL



CANÇÃO DO TAMOIO
De: Antonio Gonçalves Dias

QUE ME PERDOE O POETA/ WALDIR TEVE CORAGEM/

MAS NÃO TEVE CULHÃO,



Não chores, meu filho;
Não chores, que a vida
É luta renhida:
Viver é lutar.
A vida é combate,
Que os fracos abate,
Que os fortes, os bravos
Só pode exaltar.

II

Um dia vivemos!
O homem que é forte
Não teme da morte;
Só teme fugir;
No arco que entesa
Tem certa uma presa,
Quer seja tapuia,
Condor ou tapir.

III

O forte, o cobarde
Seus feitos inveja
De o ver na peleja
Garboso e feroz;
E os tímidos velhos
Nos graves concelhos,
Curvadas as frontes,
Escutam-lhe a voz!

IV

Domina, se vive;
Se morre, descansa
Dos seus na lembrança,
Na voz do porvir.
Não cures da vida!
Sê bravo, sê forte!
Não fujas da morte,
Que a morte há de vir!



E pois que és meu filho,
Meus brios reveste;
Tamoio nasceste,
Valente serás.
Sê duro guerreiro,
Robusto, fragueiro,
Brasão dos tamoios
Na guerra e na paz.

VI

Teu grito de guerra
Retumbe aos ouvidos
D'imigos transidos
Por vil comoção;
E tremam d'ouvi-lo
Pior que o sibilo
Das setas ligeiras,
Pior que o trovão.

VII

E a mão nessas tabas,
Querendo calados
Os filhos criados
Na lei do terror;
Teu nome lhes diga,
Que a gente inimiga
Talvez não escute
Sem pranto, sem dor!

VII

Porém se a fortuna,
Traindo teus passos,
Te arroja nos laços
Do inimigo falaz!
Na última hora
Teus feitos memora,
Tranqüilo nos gestos,
Impávido, audaz.

IX

E cai como o tronco
Do raio tocado,
Partido, rojado
Por larga extensão;
Assim morre o forte!
No passo da morte
Triunfa, conquista
Mais alto brasão.



As armas ensaia,
Penetra na vida:
Pesada ou querida,
Viver é lutar.
Se o duro combate
Os fracos abate,
Aos fortes, aos bravos,
Só pode exaltar.

7 comentários:

Severino Neto disse...

A patacoada de um obscuro Maranhão. O deputado federal Waldir Maranhão, que a imprensa para desqualificá-lo, diz integrar o ‘baixo clero do parlamento nacional’, um lugar já ocupado pelo presidente nacional do Partido Progressista (PP), o senador Ciro Nogueira (PP-PI) e o ex-deputado federal Severino José Cavalcanti Ferreira, um ex-presidente da Câmara Federal, serviu para desmoralizar o processo de impeachment de Dilma.

O inconsequente deputado federal Waldir Maranhão (PP-MA), que por um período de quase oito horas desmoralizou o processo do impeachment da presidenta Dilma Rousseff, conduzido inicialmente, por um parlamentar que é réu num processo que corre no STF e contra quem existe uma enxurrada (mais de uma dezena) de denúncias na Suprema Corte, feitas pelo Procurador-Geral de República (PGR), serviu que reforçar no brasileiro esclarecido e na opinião pública internacional, a consciência de que o Brasil não passa de uma republiqueta de banana e de um país que não pode ser levado a sério.

O ato de Waldir Maranhão, embora inconsequente para alguns e consequente para outros, repito, serviu para jogar por terra os argumentos daqueles que defendem o impedimento da presidenta Dilma Rousseff, por ser movido por um sentimento de vingança de parte do presidente da Câmara Federal afastado pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

Embora pareça uma teoria de conspiração, em Brasília circulam rumores dando conta de que Waldir Maranhão, agiu em sintonia com o seu amigo Eduardo Cunha, que ao perceber que está sendo abandonado pelo PMDB, resolveu retaliar Temer com o intuito de criar embaraços aos senadores e ao próprio STF que irão julgar a presidenta.

Haroildo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Unknown disse...

Cadê o Cântico Piaga? O cântico Vitorioso e de deboche que sempre faz.

Fernando. disse...

César Bello, você vai fazer suas previsões para a votação de amanhã? César, amanhã tá fácil, você acerta.

Fernando. disse...

César Bello, você vai fazer suas previsões para a votação de amanhã? César, amanhã tá fácil, você acerta.

Severino Neto disse...

O que me conforta neste momento é saber que daqui a no máximo 100 dias - os algozes de Dilma Rousseff serão todos jogados no lixo da história. "Quem viver verá!" Estou com o blogueiro Cesar Bello.

JESA MARQUES disse...

CESAR SERÁ QUE VOCÊ PODE PREVER A SITUAÇÃO DE WALDIR MARANHÃO PARA OS PRÓXIMOS DIAS JÁ QUE É TIDO COMO A BOLA DA VEZ PARA SER CAÇADO O QUE É 99.9999999% CERTO

Postar um comentário

 
Tecnologia do Blogger.