Publicidade

COMO NOS VELHOS TEMPOS : JORNAL ESTADO DO MARANHÃO TOCA TERROR CONTRA O GOVERNO DE FLÁVIO DINO

O jornal dos Sarney/Murad " O Estado do Maranhão" no editorial desta terça-feira(24)- "A lição dos Advogados" - relaciona a vitória de Thiago Dias na OAB-MA como resposta da sociedade civil organizada ao governo de  Dino.

Mas inverte o sentido didático/ pedagógico- a forma como se procedeu/a lição aprendida - na eleição da OAB-MA. O governo do estado não interferiu no pleito / a classe livre de pressão escolheu a oposição, procedendo-se a mudança.

É justamente isso que o governador Flávio Dino pretende, inclusive no próprio governo - implantar estado de mudanças permanentes em todos os setores da sociedade civil/ livrar a malha institucional dos vícios/ repetições destes 50 anos.

O jornal-pastelão Estado do Maranhão toca o terror como nos velhos tempos. Todos os governadores - exceção ao "sócio" Edson Lobão - sofreram semelhante ataque. A diferença em relação a Dino é o terrorismo- tentam impor a vontade pela força.

É preciso reagir. O combate está errado/ desigual na geografia/ tempos das ações. Como ensina o especialista em terrorismo, Marck McCurley - se vão nos jantar/ tratemos de almoça-los. Traduzindo do bélico para a mídia - a prevenção anula a ação.

O governo é limpo/ transparente/ trabalhador. As múltiplas ações  já produziram mudanças em vários setores da vida pública. A liberdade de escolha das instituições é uma delas. Antecipar as ações é o melhor combate contra terror midiático  do EMA.

A internet é a mais rápida arma de combate. Contudo o alvo ainda é pequeno - número de leitores. É preciso multiplicar o efeito desta força, produzindo o uso da imagem/ fala - os moderno vlogs, onde o todos saberiam até "dentro do mato".

0 comentários:

Postar um comentário

 
Tecnologia do Blogger.