DENÚNCIA CONTRA GIL CUTRIM NÃO ESPEROU MANIFESTAÇÃO DA DEFESA/ ESTÁ FUNDAMENTADA EM DECLARAÇÕES DE UM PULHA DEGENERADO

A  denúncia do Ministério Público contra o ex-prefeito Gil Cutrim é contrária aos elementares princípios de direito/ procedimentos jurídicos/ posto que não esperou a manifestação da defesa/ sendo remetida para a Justiça "a toque de caixa"/ vazando para esgotosfera.

Qualquer estudante sabe que o direito de defesa é sagrado para aqueles que respiram a atmosfera saudável da democracia. Inadmissível a remessa dos autos sem ouvir o acusado. Qual o motivo da Investigação "The Flash"/ rápida/sem ouvir as alegações da defesa.

Segundo fontes/ a promotora que conduziu as investigações  ultrassônicas estaria deixando o município de São José de Ribamar promovida para uma das vagas na Capital. Contudo o Ministério Público é uno/ indivisível/ não pertence a esta ou aquela promotora de Justiça. 

Não teria sido justo/ legal a formulação/ encaminhamento da denúncia sem a manifestação da defesa/ que ainda tinha prazo de nove dias. Aonde fica o direito ao contraditório? A presunção da inocência? O que motivou o açodamento ? A transferência para Capital? Ela veio o MP ficou .

A covarde/ injusta tentativa de linchamento moral do ex-prefeito Gil Cutrim nas redes sociais é feita com base em declarações fantasiosas do ex-vereador Teté Saboia / personagem conhecido pela forma de vida viciada/ degenerada / uso contumaz de bebida alcoólica entre outros vícios.

tete


Volto revelando todas as armações desta covarde/ reprovável orquestração/ que tem como principal fonte este degenerado/ indivíduo que nunca colocou "um prego em uma barra de sabão". Saboia está associado com o blogueiro Luís Pablo nesta empreitada paga por Ricardo Murad.



0 comentários:

 
Tecnologia do Blogger.