REFAZ 2017

SARNEY ESTREBUCHA PRESO AO PASSADO BALANÇA AS CORRENTES COMO ANA JANSEN PARA ASSUSTAR OS ESCRAVOS

Sarney em mais um raivoso artigo na sua "culuna" no EMA destila todo seu ódio a gestão de Dino/ que mandou restaurar a Capela das Laranjeiras/ mas não mudou a homilia cristã como o padre Bráulio em São José de Ribamar/ que agradecido pela reforma mandava cantar : "Roseana nas Alturas"/ ao invés de Hosana nas Alturas.

Sarney preso ao passado balança as "correntes" como Ana Jansen para assustar os escravos : "Roseana vai voltar". O "pobre diabo" mistura capitalismo/ comunismo/ o rico capitalista "O Barateiro" com o sapateiro que trabalhava nos fundos da casa da sogra Vera Macieira/ na Rua de Santana canto com a do Passeio.

Sarney entende de tudo/ não entendeu que tudo tem começo/ meio/ fim. O capitalismo do comerciante "O Barateiro"/ o sarneísmo do próprio Sarney chegou ao fim sem deixar saudades/ boas recordações com tristes índices na Educação/ Saúde/ Saneamento/ Habitação. O que prende Sarney no passado são as recordações de poder.

 

0 comentários:

Postar um comentário

 
Tecnologia do Blogger.