Publicidade

ALGUMA COISA ESTÁ FORA DA ORDEM : DE RENOVAR PARA TODOS À RENOVAR PARA MURAD ?

http://www.marcoaureliodeca.com.br/wp-content/uploads/2015/10/fotos.jpg
Como explicar a brutal mudança no marketing de campanha/ postura dos "Diaz"- Tiago/Charles para o comando da OAB/MA.

Antes era "Renovar Para Todos". Os candidatos apareciam vestidos em manga de camisa, vendendo confiança e simplicidade.

Resultado de imagem para renovar para mudar oab maranhão 

Agora os "Diaz" aparecem solenes/ de paletó/ gestos de triunfo antecipado que lembram as derrotas de Ricardo Murad.

Resultado de imagem para ricardo murad Resultado de imagem para renovar para mudar oab

Posso até está errado, mas a "mudança"/ o tratamento da mídia eletrônica sarno-murad/caridosa é sintomática.

A campanha da OAB/MA  foi contaminada financeiramente pela família Murad. Qual o motivo político/ interesse pessoal na disputa ?

O político seria impor derrota institucional ao governador Flávio Dino. O  pessoal - contra Mário Macieira -  a vingança do  advogado Samir Murad.

Samir Murad foi vetado de participar da lista tríplice - cargo de desembargador - pela direção da OAB-MA. O justificado fundamento- nepotismo.

Samir Murad não digeriu a perda do cargo. O Murad atribuiu a Mário Maciera  o veto na lista tríplice encaminhada a cunhada no governo.

Samir Murad esperneou/ entrou na Justiça Federal/ articulou no governo estadual. Mas uma decisão acabou com a esperança de um Murad na "Corte". 

"A juíza da 17ª Vara Federal da Seção Judiciária do Distrito Federal, Maria Cândida Carvalho Monteiro, indeferiu o pedido de liminar do advogado Samir Jorge Murad para participar da sessão de sabatina e formação da lista sêxtupla para preenchimento da vaga do Quinto Constitucional do Tribunal de Justiça do Estado (TJ/MA) que o Conselho Seccional da OAB/MA realiza nesta terça-feira, 30, às 14, no auditório da instituição.
A decisão foi divulgada nesta segunda-feira, 29, em Brasília. Na decisão, a magistrada deixa bem claro que, no caso de Samir Murad a nomeação de Desembargador por sua cunhada Governadora viola os princípios da isonomia, moralidade e impessoalidade. E compromete, também, o sistema de freios e contrapesos inerente ao princípio da separação de poderes, causando sérias distorções nas relações entre o Legislativo e o Judiciário. Onde deveria haver separação, poderia haver promiscuidade, onde deveria haver controle recíproco, poderia haver conivência. Leia mais sobre decisão aqui.
A sessão que culminará com a formação da lista sêxtupla constitucional para o preenchimento da vaga de desembargador do TJ/MA destinada à Advocacia acontece amanhã, 30, às 16h, no Auditório da OAB/MA. Na ocasião, o Conselho Seccional sabatinará os candidatos e os conselheiros votarão nominalmente os advogados aptos a compor a lista. Estão na disputa 18 candidatos
Segundo o presidente Mário Macieira, a expectativa da escolha é que o Conselho Seccional venha a votar com liberdade, com independência, escolhendo os candidatos mais preparados para levar para o Tribunal de Justiça a visão da advocacia sobre o Direito e sua interpretação. Essa a finalidade do Quinto Constitucional, declara."


0 comentários:

Postar um comentário

 
Tecnologia do Blogger.