O QUE RESTOU DO DIVIDIR PARA REINAR? FELIZMENTE UM PEQUENO GRUPO INTRIGADO

Vitorino Freire assume em Lajes da Raposa o banditismo- a violência como motriz da sua ascensão na política nacional e mando/quero/faço local por 24 anos.

José Sarney não assume o maquiavelismo como fundamento da sua ação política por 48 anos. O bate-boca de Andréa Murad/Roberto Costa pelo controle do PMDB prova o contrário.

O que restou do preceito maquiavélico dividir para reinar ? Um pequeno grupo dividido/intrigado. Felizmente este resultado impossibilita a possibilidade de ressurreição dos Sarney. 

Sarney pautou-se na História Universal- Dinastia dos Médici . Maquiavel escreveu para o Príncipe Lorenzo de Médici.  Sarney ditou para Roseana Sarney. Felizmente ela não entendeu nada.

Dino ao abominar o banditismo, rejeitar o maquiavelismo, rompe o ciclo geométrico- dobro na progressão(Vitorino 24/Sarney 48), devolvendo ao povo o poder de mudar governos/governantes.

Graças à vida que me deu tanto
Me deu o coração que agita seu marco
Quando olho o fruto do cérebro humano
Quando olho o bom tão longe do mal
Quando olho o fundo de seus olhos claros

Graças à vida que me deu tanto
Me deu o riso e me deu o pranto
Assim eu distinguo fortuna de quebranto
Os dois materiais que formam meu canto
E o canto de vocês que é o mesmo canto
E o canto de todos que é meu próprio canto

Graças à vida, graças à vida

0 comentários:

Postar um comentário

 
Tecnologia do Blogger.