DINO NÃO PODE ERRAR NO 2º TURNO : O PERFIL DAS BANCADAS(CÂMARA/SENADO) MOSTRA QUE A MAIORIA DEVE FIDELIDADE CANINA A SARNEY

Dino não pode errar na escolha do 2º turno das eleições para Presidente da República. Não tem como governar bem sem ajuda do futuro Presidente(a). A boicotada administração do ex-governador Nunes Freire(1974) é exemplo à ser observado.

Sem maioria no Senado/Câmara dos Deputados- o perfil da bancada mostra que grande parte deve fidelidade canina a Sarney - para votar as matérias de interesse do governo, Dino perderá poder. Mas se participar ativamente do 2º turno vira   o "Moral no Planalto".

Ficar em cima do muro é coisa de "tucano", repete a covarde história politica/oportunista de "Sarney-Camaleão", bem contada por Domingos Dutra em livro. Se Flávio Dino quiser "matar" Sarney tem que tomar posição imediatamente. São dois os caminhos :

- Apoiar Aécio Neves com consequente vitória possibilita eliminar vagarosamente a possibilidade de divisão de cargos no 2º escalão no estado. Órgãos que alimentaram o prestígio de Sarney na taba- Maranhão - por décadas.

-Votar Dilma com consequente vitória, admite por todo o mandato de governador a divisão do prestígio com Sarney. O grupo Sarney vai de Dilma no 2º turno e com certeza cobrará a fatura durante a repetição do mandato.


Desculpem o atraso/pouca produção nas postagens motivado por intimações para comparecer a audiência em Juizado Criminal. A celeridade espanta o CNJ, mas é que do outro lado estão os Lobão e eu mereço os "rigores da lei".

0 comentários:

Postar um comentário

 
Tecnologia do Blogger.