ATO FALHO SOBRE PRISÃO : JORNAL DA FAMÍLIA SARNEY CONFUNDE ANDRÉA NEVES COM ANDRÉA MURAD

O Brasil vive aquele momento da Revolução Francesa em que cada poderoso preso por corrupção dizia para o julgador : "tu vais me seguir".

O penúltimo foi Jean Jacques Danton que disse a frase histórica epigrafada para Robespierre/ o "Incorruptível"  no caminho da guilhotina. 

O Maranhão ainda não passa pelo processo. Mas é o próprio jornal da família Sarney que em ato falho confunde Andréa Neves com Andréa Murad.

A matéria está na página 2/ Política sob o título "Irmã responsabiliza Aécio por acusações da JBS. No final da matéria fica a vontade do jornalista :

"Na mesma petição que resultou na prisão de Andréa Murad/ a PRG também pediu a de Aécio". A matéria não é assinada/ foi transcrita do DF. 

0 comentários:

Postar um comentário

 
Tecnologia do Blogger.