Publicidade

FLÁVIO DINO : DOS DIÁLOGOS PARA DIALÉTICA

Flávio Dino depois do sucesso dos diálogos populares enfrentará a dialética/administrativa- tese/antítese/síntese/ação/observação/reclamação.



Conhecidos governistas fazem a conversão- de sarneístas para dinistas. É a cômoda adaptação à tese de que governo e pau duro ninguém segura.



A antítese brota das próprias fileiras do futuro governo. Timon é  exemplo da necessidade de renovar os diálogos e evitar a dialética prematura.



O prefeito de Timon, Luciano Leitoa não compareceu a posse do governador. Justificativa? O aniversário da cidade na segunda(22) ???



Leitoa não veio à posse do governador, Dino vai ao aniversário de Timon? Dos diálogos para dialética a conversão é mais difícil. É o jogo limpo.


0 comentários:

Postar um comentário

 
Tecnologia do Blogger.