HORÁRIO ELEITORAL É COMO NOVELA : NINGUÉM QUER PERDER O FINAL

O Horário Eleitoral Gratuito é como novela- ninguém quer perder o final. Os atores principias- o vilão e o bom moço já estão definidos. Coadjuvantes, participações, figurantes não somam 1%.

Encontrei "Zé Cafifa" que de "borra" virou "bagaço da laranja". "Zé Cafifa" mordeu uma ponta boa dos 3 milhões que circularam na boleia de uma cadeira de rodas. Ele jura que se elege vereador na Capital.  

Pedrosa começou bem, mas deixou a "baba de Bobó Junior"- Haroldo Saboia - babar/ gaguejar o discurso. Bobó Junior é outro que pensa em se eleger vereador de São Luís. "Bobó Junior" perdeu o trem da história.

Saulo Arcangeli ficou entre anjos e arcanjo- o anjo principal - Marcos Silva desmascarou "Bobó Junior", definindo-o com o projeto burguês fracassado dos Diários Associados. 

Josivaldo Correia foi o mais éticos dos candidatos. Não fez o jogo contra ou a favor de ninguém. Defendeu suas respeitáveis utopias. Recomendo-lhe uma fonoaudióloga.

Não percam os capítulos finais da novela de "Vacilo" o "Carrasco". É hora de ensinar  o eleitor a votar. Em quem? Como ? E em que ordem ? Governador/ Senador.

Senão termina a campanha como o português, que condenado pediu mil pacotes com cigarros. Esqueceu de pedir o fósforo. Saiu da cadeia perguntando : quem tem isqueiro/ fogo?  

0 comentários:

Postar um comentário

 
Tecnologia do Blogger.