26 de fevereiro de 2020

ENSABOA PARA DEPOIS DISCRIMINAR: DUARTE JUNIOR MANDA FUNCIONÁRIA "ENSABOAR" A COLEGA DO PROCON PARA DEPOIS DISCRIMINAR TACHANDO-A DE BURRA E PORTADORA DE HIDROCEFALIA





Não existe melhor definição para Duarte Junior que a de assediador moral. Restou provado as humilhações a que ele submetia funcionários do Procon.

No áudio acima Duarte Junior não chama de "leso"/ nem manda porra/ cacete/ tão pouco mudar essa "cocota"(boceta) para o servidor que comete erro funcional.

Duarte manda outra funcionária "ensaboar" - esculhambar - a colega. Antes Duarte discrimina a funcionária em suposto erro/ tachando-a de burra/ portadora de hidrocefalia.

A falta de respeito com funcionários/ a intolerância com a imprensa/ deslealdade com os colegas são etiquetas de Duarte Junior. É esse tipo de líder que queremos na Prefeitura?

Duarte Junior ameaça quebrar o celular. Será que seria capaz de jogar na funcionária? Duarte aos 16 anos pisou o pé de uma vendedora de bombom na porta do colégio/ respondeu como menor infrator.

CÂMARA ESPECIAL DE FÉRIAS. Sessão do dia 10 de Julho de 2002. HABEAS CORPUS N.º 010726-2002 - São Luís. Paciente: Hildélis Silva Duarte Júnior.(Cliique em cima e leia a decisão em todo teor

O histórico de violência também inclui idosos. Duarte agrediu o farmacêutico Antônio Gaspar que lhe informou que não poderia atender sua genitora/ com o plano de saúde vencido.

Ao completar 26 anos/ Duarte Junior foi chamado a Delegacia do Idoso para esclarecer agressão contra o senhor Antônio Gaspar/ conforme Registro Criminal 533/ julgado no 1º Juizado Criminal. Duarte Junior se retratou/ o juiz arquivou o processo criminal.






Nenhum comentário:

Postar um comentário