MÍDIA SARNEY AMEDRONTRADA COM O INEVITÁVEL CRESCIMENTO DA BANCADA DINISTA PAUTA SAÍDA DE SECRETÁRIOS/ INCITA CISÃO NO GRUPO GOVERNISTA

O jornalista/ blogueiro/ tiete Gilberto Leda depois de mais de meia hora no "sereno" entrevistou o governador Flávio Dino sobre a data de desincompatibilização dos auxiliares que pretendem candidatarem-se a cargos eletivos em 2018.

Dino disse que acompanha a movimentação como exercício natural no âmbito político brasileiro/ pautando a data da saída de acordo com a legislação eleitoral - seis meses ante da eleição. Leda quer apressar o desembarque para dezembro de 2017.

A postagem inicia a fala de Dino pelo fim/ descontextualiza o dito - 6 meses antes do pleito/respeitando a legislação. Leda a pedido antecipa para dezembro de 2017. Veneno para cisão.

O grupo Sarney teme o inevitável aumento da bancada dinista com "selo de qualidade"/ a adesão definitiva das bases "sarno-oportunista". O fenômeno aconteceu com os "sarno-vitorinistas" entre 60/70. 

Diziam ex-vitorinistas finados sarneistas Líster Caldas/ Orlando Leite:"governo/ pau duro ninguém segura". Aguenta oligarquia! Newton Bello deixou o governo confundindo vento com movimento de políticos.

Newton Bello ouviu o ranger das portas nos Leões/ questionou para o secretário : quem é  "Manga Rosa" ? "Manga" respondeu : "não tem ninguém governador/ foi só o vento que buliu na porta".

Ivar Saldanha que pegou em armas na Greve de 51/ para afastar Eugênio Barros compôs com Vitorino até o fim dos anos 50. Sobre se aderia ao governo Sarney/64 respondeu : "cavalo não desce escada".

0 comentários:

Postar um comentário

 
Tecnologia do Blogger.