DINHEIRO PARA DRENAGEM EDUARDO BRAIDE SÓ DÁ PARA A LINFÁTICA QUE A MULHER FAZ EM CLÍNICAS DE ESTÉTICA SOFISTICADAS

O problema de drenagem/saneamento de São Luís começa com a hidrografia/ continua na  constituição do solo - altitude de 4 metros acima do nível do mar/ baixadas alagadas/ lençóis freáticos descontínuos.


O saneamento desordenado desde as primeiras edificações/ continuou com cada habitante despejando esgoto/ lixo nas ruas. A chuva que deveria servir para lavar/ represa os resíduos sólidos.  


A drenagem é uma obra subterrânea/  não dá voto. Quase todos prefeitos não a priorizaram. João Castelo começou/ não terminou a construção de canais em São Luís. Edvaldo Holanda já fez 25 Km.


Eduardo Braide com o indefectível nariz empinado quer "chover no molhado" - criar uma força tarefa/ que já existe. Bem que poderia destinar alguns milhões dos 8 recebidos para a drenagem da Capital.


Emenda para Anajatuba tem retorno. Braide mandou 1 milhão para o Aldenora Bello/nada para saneamento/ drenagem. Dinheiro para drenagem só a linfática/ que a esposa faz nas clinicas sofisticadas.

0 comentários:

Postar um comentário

 
Tecnologia do Blogger.