O COMUNISMO MARANHENSE : O SARNEYSMO OLIGÁRQUICO

Tinha quem apostasse que o comunismo se igualasse ao sarneísmo na aplicação/ tratamento pessoal/ institucional - "aos amigos os favores/ para os inimigos rigores".


O comunismo não protegeu aliados/ não perseguiu adversários/ não fraudou licitação/ não criou organização criminosa na Saúde/ Educação/ Habitação Popular.


Não existe mais a troca dos "talheres do poder" por obrigação/ favores de empreiteiros/ empresários/ prestadores de serviço: "quem come do meu pirão/ prova do meu cinturão".


No comunismo maranhense ninguém é obrigado a fazer/ ou deixar de fazer algo que não esteja previsto em lei.  Não existem mais propinodutos/ "ilha de poderes" regras no sarneismo oligárquico.


O comunismo maranhense é democrático/ alegre/ igualitário/ libertador. Não obriga culto a personalidades no Natal/ Carnaval/ São João. Obriga respeitar o próximo como a si mesmo.

... do Lobão: Flávio Dino festeja sucesso do carnaval junto com o povo

3 comentários:

Magno Cunha Silva disse...

César Bello, tudo isso que a OLIGARQUIA está criando somente na cabeça deles não passa de desespero total de todos eles. Deu a louça nas ostes da OLIGARQUIA!!!Ô meu Deus!!!!!

Magno Cunha Silva disse...

César Bello, tudo isso que a OLIGARQUIA está criando somente na cabeça deles não passa de desespero total de todos eles. Deu a louça nas ostes da OLIGARQUIA!!!Ô meu Deus!!!!!

Cesar Bello disse...

Magno é desespero. O carnaval deste ano libertou o povo/ o trajeto/ as brincadeiras do culto a personalidade.

Postar um comentário

 
Tecnologia do Blogger.