REMINISCÊNCIAS/ COINCIDÊNCIAS ENTRE O PODER JUDICIÁRIO/ GOVERNOS/ SENADORES/ JUÍZES/ DESEMBARGADORES

São inúmeras as infelizes reminiscências/ coincidências/ imbricações/ ligações/ solicitações entre o Poder Judiciário/ governos/ senadores/ deputados em um Maranhão/ corporativo/ fisiológico/ patrimonialista/ clientelista.

José Sarney foi assim alcunhado em razão dos pedidos do pai/ o desembargador Sarney Costa para os juízes no interior - "vota em Zé meu filho". O juiz votava/ o eleitor analfabeto obedecia. Por isso interresava metade da população "analfa".

José de Ribamar Ferreira de Araújo Costa/ o José de Sarney - filho de Sarney - não se elegeu na primeira vez que concorreu a cargo de deputado federal. O desembargador Sarney Costa pediu "Zé Meu Filho"de suplente assumiu "para sempre".

Depois de Zé Sarney em 1955 elegeram-se Evandro Sarney/ Albérico Ferreira/ Abérico Filho/ Anselmo Ferreira/ Sarney Filho/ Sarney Neto/ Sarney Bisneto/ se bobear Sarney Tataraneto em 2035/ afora genros/ cunhados/ alcunhados dos Sarney.

Edilásio Junior é o exemplo recente do poder político/judiciário dos Sarney. Junior é genro da desembargadora Nelma Sarney/ casada com Ronald Sarney/ o "Roninho" irmão de José/ filho do desembargador que pedia "vota em Zé meu filho".

Nelma Sarney poderá assumir a Presidência do Tribunal de Justiça em meados de 2017/2018/ podendo garantir a reeleição de Edilásio Junior. Como? Eu não imagino a desembargadora Nelma pedindo : "vota em Edilásio Junior meu genro".

É como um novelo de lã em que uma parte puxa a outra/ o ponto forma o tecido/ a malha social/ institucional/ política. Mas não são só os Sarney que enumeram coincidências/ imbricações/ ligações dentro da malha judicial. Roberto Rocha é outro.

A juíza Alexandra Ferraz Lopes - interina no 3º Juizado Criminal - que julga ação criminal interposta por Roberto Rocha contra Cesar Bello é filha ex-desembargador Mário Ferraz. Mário Ferraz foi nomeado desembargador pelo então governador Luís Rocha/ pai do senador Roberto Rocha. 

São apenas coincidências/ reminiscências. Mas são preocupantes/ posto que a Comissão Pastoral da Terra/ CPT-MA tem medo da influência de Roberto Rocha no Judiciário. Mas vamos continuar nosso ofício amadurecido/ com coragem de denunciar/ relatar a triste história/ relação entre os Poderes.


0 comentários:

Postar um comentário

 
Tecnologia do Blogger.