ATÉ AGORA SABATINAS/ ENTREVISTAS NÃO DESPERTARAM INTERESSE DOS ELEITORES/ OS DEBATES DEFINEM ?

O eleitorado de São Luís até agora não se interessou por sabatinas coletivas/ entrevistas individuais/ debates. Por que ? 

O eleitorado de São Luís gosta de observar ações/ propostas/ dar linha para depois rasgar a boca do "peixe" de uma só puxada.

Elisiane Gama é o maior exemplo do humor sazonal/ repentino do eleitor de São Luís. As mudanças são rápidas "vapt/vupt".

As decisões do eleitorado ludovicense são aristotélicas - a família é a célula mãe do eleitorado. O conjunto das famílias faz o organismo eleitoral.

As pesquisas refletem o organismo social em análise - conjunto de famílias - que observam atentamente ações/ propostas dos candidatos para decidirem.

A cidade começou a discutir as eleições/ os candidatos com base no que foi apresentado. Mas a decisão definitiva vem dos tradicionais debates.

Trata-se de eleitorado provinciano/ tradicional com pendores antropológicos - maioria de negros/ índios - voltados para vítimas por empatia dos cárceres. 

Edvaldo será o alvo dos debatedores/ podendo como "vítima" mostrar que recebeu uma Prefeitura tão endividada que sequer servia comida em hospitais.

Wellington sob atenção dos eleitores/ pode "estourar" caso o identifiquem com especialista em calote/ dívida/ciências ocultas/ letras apagadas/ fantoche.

Elisiane/ Fábio/ Rose/ Braide entram  como coadjuvantes. Mas a dinâmica dos debates poderá promover qualquer um/ bastando apenas preparo.

Edvaldo tem ir paro o centro/ chamar o debate mostrar que tem preparo/ experiência/ conteúdo/ resultados sabe se defender dos adversários sem distinção. 

Wellington preparado por Daniel Mendes/ com os argumentos de Roberto Rocha/ ex-vice-prefeito deve atacar a gestão de Edvaldo por dentro/ os outros baterão por fora.



É só esperar.

3 comentários:

 
Tecnologia do Blogger.