GOSTO É COMO C / CADA UM TEM O SEU : WELLINGTON DO CURSO NÃO APOIA CENTRO HISTÓRICO/ MAS PAGA CACHÊ MILIONÁRIO PARA SAFADÃO

O deputado estadual Wellington do Curso recebeu orientação da deputada Elisiane Gama - criar no reinício dos trabalhos legislativos  pauta negativa para o prefeito Edvaldo Holanda

"Do Curso" disse que o Centro Histórico estava a-b-a-n-d-o-n-a-d-o. A crítica teria como fundamento apenas uma visita a boite Observatório, o "OBS". Não tinha ninguém no ambiente.

Resultado de imagem para aonde fica a boite observatório

Para os entendidos na noite/ Wellington do Curso escolheu o dia errado. "Segunda-feira é muito fraco/ não dá ninguém", disse um assíduo notívago da OBS, diante da denúncia do nobre deputado.

Resultado de imagem para aonde fica a boite observatório

Do Curso não se limitou a frequência/ reclamou de tudo : " o poeta Nauro Machado não vai gostar de ver a Praça com seu nome abandonada". Alertado da morte do poeta, "Do Curso" improvisou chiste: 

"Para mim ele não morreu/ era imortal". O assessor segredou para "Do Curso" : "ele não era membro da Casa de Antônio Lôbo". Do Curso replicou : "Então como eu curtia o forró de Safadão".

Wellington/conhece/ patrocina/ participa da Cultura do Maranhão? Quantas vezes "Do Curso" foi visto no Centro Histórico ? Qual o valor de alguma emenda/ projeto para recuperar o Centro Histórico?

Eles "trocam dedos". Um aponta os dedão/ o outro faz o círculo. O que eles queriam ? A música dá uma dica : bota/ bota. Como diz o ditado : "se for para falar besteira é melhor calar",

 

0 comentários:

Postar um comentário

 
Tecnologia do Blogger.