Publicidade

BANDIDA PODE TIRAR RIBAMAR ALVES DA CADEIA NA QUARTA-FEIRA DE CINZAS

Quem lê o conteúdo do Blog do Cesar Bello entende/antecipa-se aos fatos/ decisões. Ribamar Alves vai amargar o carnaval na cadeia até o relaxamento do flagrante no TJ-MA/ ou no Superior Tribunal de Justiça(STJ) .

A prisão preventiva de Ribamar Alves se sustenta no histórico/comportamento/condenações de crimes contra mulheres. Tecnicamente o flagrante não está perfeito. Com o provável relaxamento do flagrante a preventiva perde o sentido.

Ribamar Alves deve contratar banca especializada no DF. Não será surpresa a liberação de Alves em plena folia momesca. Garrone que gosta de defender estes tipos alugaria a "Bandida" para acompanhar a saída de Alves nas "cinzas"?

 

2 comentários:

Anônimo disse...

Realmente achas que ninguém sacou a tua jogada, Belo? Coisa feia: bater para vender a solução. Está nítido que queres prestar assessoria jurídica e de imprensa para a defesa de Ribamar Alves. Esta postagem é a prova literal disso. E nem adianta contestar. Qualquer leitor com tico e teco em atividade consegue notar tamanha esperteza. Perdeu mais uns pontos com mais alguns leitores. Bem que percebi que essa obsessão por Ribamar Alves em detrimento de todo o conteúdo do teu blog tinha uma motivação nas entrelinhas. Lembrei até da controversa da passagem de um certo blogueiro pela advocacia, enganando pobres coitados nos programas da Universal até ser definitivamente suspenso pela OAB. Não me engana que eu não gosto. Parece que tu és pior do que aqueles que criticas diariamente.

Cesar Bello disse...

Tu mesmo te desmente. Diz que quero assessorar juridicamente Ribamar Alves e relata minha suspensão. Isso prova que o ódio que me tens cega-te. Mas fostes honesto quando dissestes suspensão e não exclusão. Imagina se tu souber que paguei minha anuidade na OAB? Vais morrer invejoso. Mas fica calmo ainda não pedi reabilitação. Eu apenas dei minha opinião e acertei. Espero que esteja errado na última.

Postar um comentário

 
Tecnologia do Blogger.